Este Portal é uma iniciativa do Sinaenco, não tendo qualquer ligação com a Fifa e suas atividades
bullet Notícias

São Gonçalo do Amarante: veja detalhes do futuro aeroporto de Natal

Documento revela como será o novo terminal de passageiros, previsto para agosto de 2014

Vista geral do terminal de passageiros (crédito: Consórcio Inframérica)
Tamanho da letra
Da redação* - Natal
postado em 15/02/2012 11:38 h
atualizado em 15/02/2012 15:40 h

O Portal 2014 teve acesso a uma apresentação do Consórcio Inframérica sobre o projeto para o novo Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante, na região de Natal-RN. O aeroporto ocupa uma área total de 15 milhões de metros quadrados, distante 40 km da capital do Rio Grande do Norte.

O documento mostra detalhes do projeto, com destaque para a nova estação de passageiros, áreas de estacionamento e demais dependências, com um total de 40 mil metros quadrados, área prevista para a primeira fase das obras. Apresenta, também, informações sobre o terminal de cargas, pistas, pátios de manobras e torres de controle.

Sobre o terminal, o texto informa que a cobertura será feita com estrutura metálica, independente do corpo do edifício. A cobertura, ainda de acordo com o consórcio, proporcionará maior conforto térmico ao edifício, permitindo sua ventilação e proteção à insolação. A estação será revestida internamente com materiais regionais, como granitos, "de forma a refletir a cultura e linguagem locais deste portão de entrada regional e nacional", afirma a apresentação do projeto. Os fechamentos do terminal serão feitos principalmente com vidro, sob a proteção de brises-soleil (anteparos móveis para proteção contra o sol) de forma a proporcionar o sombreamento necessário à climatização no interior do edifício.

Vista interna do terminal de passageiros (crédito: Consórcio Inframérica)

O contrato com o Consórcio Inframérica foi assinado em novembro de 2011 pela presidente Dilma Rousseff e foi a primeira concessão de um aeroporto à iniciativa privada no Brasil, seguido pelo recente leilão dos terminais internacionais de São Paulo, Campinas e Brasília. O Inframérica é liderado pelo grupo brasileiro Engevix e a empresa argentina Corporación América, que adquiriu o direito pelo contrato em um leilão realizado em agosto. A concessão custou R$ 170 milhões, mais de três vezes o preço mínimo exigido pelo governo, além do compromisso de investir outros R$ 650 milhões nos próximos três anos.

A Anac espera que o novo aeroporto atenda a três milhões de passageiros em 2014 e a Inframérica prevê que o aeroporto terá, em 2024, capacidade para atender 6,2 milhões de passageiros. Segundo a concessionária, em 2038 a área chegará a 66 mil metros quadrados, e a capacidade de 11 milhões de passageiros.

Veja a apresentação em formato PDF

*Informações e texto de George Fernandes (Natal) e Marcos de Sousa (São Paulo)





 
nosso time
realização
Sinaenco - Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia Consultiva
tecnologia e criação
XY2 | Agência Digital
hosting
Telium Networks
segurança da informação
LSI TEC - Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico
 
patrocínio
Gerdau
 
apoio
ArcelorMittal
 
Resolução Mínima de 1024x768 - © Copyright 2009 portal2014.org.br Todos os direitos reservados.