Este Portal é uma iniciativa do Sinaenco, não tendo qualquer ligação com a Fifa e suas atividades
bullet Notícias

Fifa divulga o logo da Copa brasileira

Desenho é o mesmo que havia vazado à imprensa em junho

Em versão criticada, mãos entrelaçadas formam a taça da Copa (crédito: EFE)
Tamanho da letra
Marcos de Sousa - São Paulo
postado em 08/07/2010 15:14 h
atualizado em 12/07/2010 15:13 h

Em cerimônia festiva, no Sandton Convention Center, em Joahnesburgo, África do Sul, o Comitê Organizador do Mundial de 2014 lançou a logomarca oficial da Copa de 2014, que será realizada no Brasil.

A marca é a mesma que "vazou" à imprensa no início de junho passado: uma composição de mãos, que lembra o formato da Taça Fifa. A proposta do logo foi apresentada a um júri de notáveis composto por Ricardo Teixeira, o secretário-executivo da Fifa, Jérôme Valcke, o arquiteto Oscar Niemeyer, o escritor Paulo Coelho, a cantora Ivete Sangalo, o designer Hans Donner e a modelo Gisele Bündchen. Todos apareceram no vídeo institucional que foi apresentado na cerimônia oficial.

No vídeo, o presidente do COL/2014, Ricardo Teixeira, sintetiza a opinião dos "notáveis", ao declarar: "O logo te prepara para o Mundial. Ao olhar para ele, ninguém vai imaginar outra coisa que não seja a Copa do Mundo no Brasil".

Sem surpresas
Há um mês, quando o Portal 2014 publicou a matéria sobre o logo, vários leitores manifestaram sua decepção com a marca escolhida pela Fifa para a Copa do Brasil. Além de críticas sobre o logotipo, surgiram dúvidas sobre o processo de escolha, envolto em grande "mistério": Mesmo agora, não se sabe quem são seus autores, ou mesmo se são brasileiros ou estrangeiros. Sobram ressalvas também quanto ao critério da entidade para escolha dos "notáveis" que julgaram os trabalhos.

Entre os designers brasileiros, o caso gerou decepção e polêmica, já que havia um acordo entre a ADG (Associação dos Designers Gráficos do Brasil) e a Fifa para que o processo de definição das marcas da Copa de 2014 fossem coordenadas pela entidade brasileira. Em junho, os profissionais prometeram definir uma posição conjunta sobre a decisão, mas até o fechamento desta matéria nenhuma nota havia sido divulgada. Apenas duas notícias internas foram publicadas no site da ADG, com comentários sobre o processo de negociação entre a ADG e a Fifa.

"Vergonha"
No dia 2 de junho, logo após o vazamento do logo, o renomado designer Alexandre Wollner, um dos precursores do design moderno brasileiro, criador de logotipos que se tornaram ícones da cultura visual do país, como os das empresas Itaú, Philco e Hering (leia entrevista), resumiu em uma palavra seu espanto com o logo: "É lamentável". 

Wollner fez a seguinte análise do logo: "Em cores, parece uma cara coberta pela mão num ato de vergonha; horrível. Não é uma marca, é uma ilustração de um artigo "a vergonha do brasil" (de ter perdido o campeonato)! Os 'notáveis' devem ter comparado com outros desenhos de baixo nível". E finaliza, surpreso: "Mas afinal, quem participou do concurso?! Teve concurso?". Wollner ainda manda um recado aos 'notáveis", para que imitem o ato de vergonha por terem escolhido este desenho.





 
nosso time
realização
Sinaenco - Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia Consultiva
tecnologia e criação
XY2 | Agência Digital
hosting
Telium Networks
segurança da informação
LSI TEC - Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico
 
patrocínio
Gerdau
 
apoio
ArcelorMittal
 
Resolução Mínima de 1024x768 - © Copyright 2009 portal2014.org.br Todos os direitos reservados.